Menu

http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.1gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.2gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.3gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.4gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.5gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.6gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.7gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.8gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.9gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.10gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.11gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.12gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.13gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.14gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.15gk-is-100.jpglink
http://apmshm.pt/modules/mod_image_show_gk4/cache/banner_resto.16gk-is-100.jpglink
« »

Pesca da sardinha com muitas limitações

Oficialmente os pescadores da sardinha poderiam regressar ao mar a partir de hoje, mas as organizações de pesca (OP) de todo o país chegaram a acordo e só vão para a faina  a 2 de Maio. E mesmo a partir daí, os cerca de 100 barcos da arte do cerco passam ainda a ir para as capturas somente quatro dias por semana: à 2.ª, 3.ª, 5ª e 6.ª feira. A ideia é reservar a quota para o Verão, altura em que a sardinha tem maior qualidade e atinge preços mais elevados.

E até 31 de Julho há 6800 toneladas para pescar, ou seja, quase metade da quota anual nacional que deverá ficar-se por um valor idêntico ao ano passado: 13.500 toneladas. O montante exato permitido só será definido após as prospeções aos stocks que deverão realizar-se no final deste mês. Do acordo entre as OP faz ainda parte a decisão de estabelecer limites diários de captura por barco, sem distribuir a quota por grupos de produtores como aconteceu em 2015.Assim, os barcos até 9 metros podem capturar 50 cabazes por dia, entre 9 e 16 metros 100 cabazes e, acima de 16 metros, 150 cabazes.

Duas Organizações de Produtores são, por exemplo, a Apropesca que representa 12 barcos da Póvoa e de Vila do Conde e a Propeixe que tem 25 barcos a operar em Matosinhos. A partir dos referidos portos trabalham centenas de pescadores da sardinha que moram na região e que, segundo o despacho da ministra do Mar, conhecido ontem, terão somente 200 toneladas para capturar este mês.E lá está: o grosso da pesca está autorizada para os meses de maio, junho e julho. 

Rádio Onda Viva 

SEDE APMSHM

CONTACTOS APMSHM

Zona Portuária - Molhe Norte

Apart. 142,

4490-909 Póvoa de Varzim

Telem.: 916 372 980

Telf: 252 623 358

Fax: 252 620 527

Email: geral@apmshm.com

Segunda a Sexta - 09h-13h e 14h-18h